PACOTE DO GOVERNO ESTADUAL TRANSFORMA CIDADE MARAVILHOSA EM PRAÇA DE GUERRA

images_cms-image-000526332

A notícia é do Brasil 247:

O protesto dos servidores contra o pacote de arrocho fiscal no Rio de Janeiro está pegando fogo. A Polícia Militar afirmou que seis de seus agentes ficaram feridos até as 14h30. Segundo a corporação, “por volta das 13h, após um discurso inflamado, manifestantes investiram contra as grades da ALERJ com lançamento de bombas e rojõe”.

Ao todo, seis policiais militares ficaram feridos, um deles teve um ferimento próximo a vista ocasiona pela explosão de um morteiro. “Os policiais estão sendo socorridos no ambulatório dentro da ALERJ. O BPChq está atuando a fim de retomar a ordem no local”, disse.

Manifestantes colocaram capacetes e máscaras e jogaram rojões. A polícia revidou com ao menos 50 bombas. Ativistas responderam com pedras e morteiros. O spray de pimenta chegou até no plenário. O comércio foi fechado e havia relatos de cheiro de gás dentro dos restaurantes.

PROJETO SAÚDE E NATUREZA DA SANTA CASA JÁ PLANTOU MAIS DE 370 MUDAS DE FLORES

santa-casa-dscn2047

A notícia é da assessoria de imprensa da Santa Casa:

Todos que passam em frente à Santa Casa de Jales logo veem algo bem diferente: o canteiro central, que está chamando a atenção das pessoas. Sempre florido e limpo, ele é cuidado pelos colaboradores integrantes da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes – CIPA.

O projeto “Saúde e Natureza” criado em janeiro tem como objetivo o cuidado com o meio ambiente. Para isso o canteiro, bem como todo o entorno da instituição e também a área interna do hospital, está sendo cuidado semanalmente pelos cipeiros.

De acordo com o Técnico de Segurança do Trabalho, Devalci Trevisan, foram divididos grupos de quatro pessoas para cuidar dos canteiros toda segunda, quarta e sexta-feira. “Foram plantadas até o momento cerca de 375 mudas de flores e árvores em todos os lugares que estamos cuidando. O prometo continua no pátio dentro do hospital, onde já realizamos adequações como pintura do local, tudo a custo zero”, destacou.

A presidente da CIPA, Suely Aparecida Nunes Medeiros, relatou a dedicação de todos os colaboradores em contribuir com a natureza. “O meio ambiente precisa de uma atenção especial e percebo o quanto os cipeiros são dedicados e fazem com amor. Além de ficar mais bonito, o ambiente torna-se um pouco mais agradável. Agradeço a contribuição de todos nesse projeto”, explicou Suely.

MÉDICA CUBANA É HOMENAGEADA COM TÍTULO DE CIDADÃ HONORÁRIA DE SÃO FRANCISCO

daniaA Câmara Municipal de São Francisco aprovou concedeu o Título de Cidadã Honorária à médica cubana Dania Yelises Gomes Cabrera, que atua na Estratégia de Saúde da Família(ESF) daquele município, através do programa “Mais Médicos”.

A homenagem – proposta por iniciativa do vereador Anderson Pimenta(PRB) – foi aprovada por oito dos nove vereadores de São Francisco. A médica chegou a São Francisco há apenas oito meses, mas, segundo o vereador Pimenta, já conquistou a população nesse pouco espaço de tempo.

“A doutora Dania atende a população todos os dias, até mesmo em seu horário de descanso. Além disso, ela é um ser humano fantástico que conquistou o seu espaço graças à sua humildade e competência”, destacou o vereador. “Se um paciente não pode ir até o posto de saúde, a Dania, de livre e espontânea vontade, vai até a residência do paciente, a pé ou de bicicleta, mas não deixa de atender ninguém”, completou Pimenta.

Nascida em 1972, Dania formou-se há 20 anos em Medicina Geral Integral pelo Instituto Superior de Ciências Médicas Santiago de Cuba. Em seu país, a médica cubana – que estudou também administração hospitalar – já dirigiu uma Policlínica com mais de 900 funcionários.

Esta não é a primeira vez que Dania se afastou de Cuba – onde tem um casal de filhos, a caçula com 13 anos e o mais velho, estudante de Medicina, com 21. Ela já atuou também na Venezuela, entre 2007 e 2011.

Segundo José Célio Martini, um dos maiores incentivadores do programa “Mais Médicos” e amigo da médica cubana, a saudade dos filhos é um dos principais problemas enfrentados por Dania no Brasil. “Ela às vezes chora com a lembrança dos filhos, mas o pessoal lá de São Francisco é muito solidário. Os amigos estão sempre convidando ela pra alguma atividade e os padres e os pastores dão muito apoio a ela”, relata Martini.

Segundo o vereador Pimenta, o Título de Cidadã Honorária de São Francisco deverá ser entregue à médica cubana em janeiro ou fevereiro de 2017.

PROFESSOR DE HARVARD APONTA ILEGALIDADES DA LAVA JATO CONTRA LULA

lula-e-moro

Deu no portal Pragmatismo Político:

Após trazer artigo de dois procuradores da República da força-tarefa de Sérgio Moro, evidenciando a perseguição da Operação Lava Jato a membros do Partido dos Trabalhadores e ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e ser duramente criticada por parcialidade, a Folha de S. Paulo consultou o antropólogo John Comaroff, especialista em lawfare e professor na Universidade de Harvard.

Para o especialista, a sequência de abusos cometida pelo juiz federal da Lava Jato ainda está difícil de compreender em Harvard, com “fatos que perturbam a audiência internacional” e, segundo ele, as ações demonstram uma “ânsia em acusá-lo [Lula]“. “Eu estou tentando entender o caso. Meus colegas aqui em Harvard não conseguem compreender“, afirmou.

“Ao vazar conversas privadas, mesmo que envolvam 20 pessoas, se Lula está entre elas, você sabe que é dele que a mídia falará. Isso é ‘lawfare’. Você manipula a lei e cria uma presunção de culpa“, foi a resposta do professor.

Na entrevista ao jornal, o especialista defendeu, ainda, a substituição de Sérgio Moro para que questionamentos sobre a isenção ou não do magistrado nas ações que tramitam contra o ex-presidente possam seguir sem questionamentos ou polêmicas.

Certamente há muitos outros juízes capazes no Brasil. Em princípio, se você quer manter o sistema judicial o mais limpo possível, você não perde a oportunidade de evitar conflito de interesse ou atitudes impróprias“, disse.

Com vasto conhecimento no uso do sistema legal contra a figura de um inimigo, denegrindo ou deslegitimando a imagem da pessoa investigada disfarçada em mecanismos legais, Comaroff entende que a Lava Jato faz o contrário do que prevê a Constituição: cria a “presunção da culpa” e não a da inocência, como nos é garantida.

O professor de Harvard criticou as escutas telefônicas aprovadas pelo juiz do Paraná contra o ex-presidente, envolvendo detentores de foro privilegiado e, ainda, estendendo-se após o período autorizado. Além disso, questionou o grampo feito no escritório da defesa de Lula. Moro justificou a medida dizendo ser também investigado o advogado Roberto Teixeira. Para Comaroff, o ato é “muito ilegal no mundo inteiro“.

Não se pode fingir que não se esperava que essas medidas contra Lula não teriam impacto. Isso demonstra uma ânsia em acusá-lo. Parece que Lula tem recebido um tratamento diferente nos aspectos legais na operação“, disse. “O país possui um sistema legal robusto. Não há necessidade de se violar a lei“, completou.

FAMÍLIA É FEITA REFÉM POR MAIS DE SEIS HORAS EM JALES

dsc02573-rua-leopoldo-ol-goncalves

Vista pelo ângulo da foto acima, parece que a Rua Leopoldo Oliveira Gonçalves – onde tivemos a ocorrência policial da notícia abaixo – não tem buracos, o que faria dela uma rara exceção.

dsc02574-rua-leopoldo-oliv-goncalves

Como se pode ver, no entanto, por este outro ângulo, o asfalto daquela rua – assim como outras do Jardim Monterey – também não apresenta boas condições. Mas, vamos à notícia do portal da Rádio Assunção:

Quatro bandidos armados invadiram a casa de um policial civil aposentado na Rua Leopoldo Alberto de Oliveira Gonçalves , no Jardim Monterey, na madrugada de ontem, segunda feira , em Jales.  

Eles aproveitaram o momento em que uma funcionária estava chegando para trabalhar e renderam a mulher. O policial aposentado, sua esposa, e duas funcionárias foram feitos reféns por mais de 6 horas.

De acordo com informações colhidas pela reportagem do Jornal do Povo, da Rádio Assunção de Jales, os ladrões não foram violentos e fugiram no carro da família, um Ford Focus.

Durante a ação, dois ladrões continuaram a fazer as vitimas reféns, enquanto outros dois saíram do local para fazerem saques usando o cartão do aposentado. Por volta das 10 horas todos os meliantes fugiram.

Assim que recebeu a denuncia, a Polícia Militar de Jales começou um patrulhamento pela área central da cidade, e na Avenida Francisco Jalles localizou dois homens com características semelhantes as passadas pela vitima.

Um deles foi identificado como um rapaz de 26 anos, morador da Rua São José, no bairro Nossa Senhora Aparecida em Jales. Ele é natural da cidade de Guarulhos e está na região há oito meses.

Com este foi localizado o cartão de crédito do policial aposentado, um comprovante de compra no valor de R$360,00, um perfume e uma corrente de ouro que haviam sido recém compradas, além de R$2.064 em espécie.

Ele confessou então aos policiais que havia participado do roubo na casa do policial, e levou os PMs até sua casa, onde estavam escondidos os produtos do crime. Lá foram encontrados diversos eletrodomésticos, aparelhos eletrônicos e jóias.

O homem confessou ainda ter participado recentemente de um roubo na cidade de Palmeira D’Oeste. Na oportunidade ele, com a ajuda de comparsas, renderam um casal de idosos naquela cidade e fugiram com o carro da família, um Gol. No dia seguinte o veículo foi encontrado queimado em Jales.

O rapaz que estava junto com ele no centro da cidade, disse que não sabia do ocorrido e que somente tinha sido convidado pelo amigo para fazer algumas compras.

A Polícia Militar levou o homem envolvido no roubo até a Central de Polícia Judiciária, e lá o delegado de plantão decretou sua prisão em flagrante. Os outros três rapazes envolvidos no assalto ainda não foram encontrados.

AINDA EM CONSTRUÇÃO, CRECHE DO JACB É BATIZADA COM NOME DE PROFESSORA

dsc02557-tribuna

A creche que está sendo construída no JACB já foi batizada pela Câmara Municipal com o nome de EMEI “Professora Diva Maciel Jorge”. O projeto, de autoria do vereador Gilberto Alexandre de Moraes(DEM), o Gilbertão, foi aprovado em outubro deste ano e transformou-se na Lei n° 4.557, de 16 de novembro de 2016.

A professora Diva nasceu em Palestina(SP), em 1929, e mudou-se para Jales com 32 anos de idade, em 1961. Lecionou em duas escolas de Jales, a EE “Elza Pirro Viana” e a EE “Euphly Jalles”, onde teve a honra de ser professora deste modesto blogueiro. Faleceu em janeiro de 1974, antes de completar 45 anos de idade. Ela era avó materna do vereador petista Luís Rosalino.

O novo prédio da EMEI do JACB começou a ser construído em agosto passado pela empresa GHM Construtora Ltda, de Meridiano, vencedora da licitação aberta em abril pela Prefeitura. As obras, que estavam orçadas em quase R$ 1,8 milhão, foram contratadas por R$ 1,5 milhão, ou quase R$ 300 mil abaixo do valor estimado. O recursos financeiros virão do governo estadual e, além da construção, incluem R$ 180 mil para aquisição de equipamentos.

Com 814m² de construção a nova creche segue o padrão FDE e contará com 06 salas de atividade, 01 sala de uso múltiplo, 02 berçários – um para repouso e o outro para atividades – vestiário, fraldário, lactário, lavanderia, refeitório, 02 sanitários para crianças, 01 sanitário destinado a crianças deficientes, etc. A conclusão da obra está prevista para agosto de 2017.

NOVA ENQUETE: VOCÊ É A FAVOR OU CONTRA A PUNIÇÃO AO ABUSO DE AUTORIDADE?

Os prezados leitores podem não ter notado, mas o blog está com uma nova enquete no ar, aí do lado direito da tela.

Dessa vez, estamos querendo saber a sua opinião sobre a polêmica emenda ao projeto anticorrupção, que acrescentou um artigo – ou um parágrafo, ou um inciso, sei lá! – prevendo a responsabilização de juízes e promotores por eventuais atos de abuso de autoridade.

Além da emenda ao projeto anticorrupção, aprovada na Câmara Federal, tramita no Senado um outro projeto – nº 280, de 2016 – que também trata do abuso de autoridade, cujo relator é o senador Roberto Requião(PMDB)-PR). É importante ressaltar que o assunto vem sendo discutido por uma comissão de juristas há sete anos e que o objetivo do projeto é atualizar uma lei de 1965.

A ementa do projeto diz que ele “define os crimes de abuso de autoridade cometidos por membro de Poder ou agente da Administração Pública, servidor público ou não, da União, Estados, Distrito Federal e Municípios, que, no exercício de suas funções, ou a pretexto de exercê-las, abusa do poder que lhe foi conferido”. Ou seja, vale não apenas para o juiz ou o promotor, mas também para o policial, o delegado, o fiscal da Prefeitura, etc.

O projeto pune com mais rigor – com penas que vão de multas até cinco anos de prisão – abusos de autoridade que incluem desde “carteiradas” a vazamentos de grampos telefônicos para a imprensa. A perda do cargo só poderá ser aplicada na reincidência do crime de abuso de autoridade.

O ministro Gilmar Mendes, do STF, e o subprocurador da República Eugênio Aragão são favoráveis ao projeto. O juiz Sérgio Moro e os procuradores da Lava Jato são contra. E você?  

EX-BBB IMPRESSIONA COM AUSÊNCIA DE BARRIGA NO SÉTIMO MÊS DE GESTAÇÃO

leticia-santiago

Acredite se quiser: a moça da foto acima está grávida de sete meses. A notícia é do iG:

Leticia Santiago vem causando polêmica nas redes sociais. Isso porque a ex-BBB está grávida de 7 meses, mas desfila por aí com uma barriguinha chapada, bem diferente do que as mulheres na mesma idade gestacional aparecem.

Neste domingo (5) a ex-BBB posou de biquíni antes de curtir um SPA e vou a chamar atenção. “Boa tarde! Já almoçamos, agora curtir um spa com meus amores MMs vendo um filme”, escreveu ela.  “Cadê a barriga meu Deus?”, “Tapa na cara das inimigas” e “Só queria a minha assim sem estar grávida” foram alguns dos comentários.

Letícia Santiago ficou famosa ao participar do “Big Brother Brasil 14”. Ela, que já é mãe de Júlia, está esperando um bebê que é fruto do seu casamento com o deputado Miguel Corrêa Junior.

Essa não é a primeira ex-BBB a gerar polêmica em sua gestação. Quando Adriana Sant’Anna estava grávida de seu filho Rodrigo, uma foto postada por ela no Instagram chamou atenção de todos, inclusive da imprensa internacional. Na imagem, ela aparece de biquíni e as pessoas apontam que é possível ver o formato do bebê.

Para ver a polêmica barriga da outra ex-BBB, a Adriana, clique aqui.

CORINTHIANS: HISTÓRICA INVASÃO DO MARACANÃ COMPLETA 40 ANOS NESTA SEGUNDA-FEIRA

invasao-corintiana

O Fluminense de 1976 era conhecido com a “Máquina Tricolor” e contava com craques como Rivelino, Carlos Alberto Torres, Edinho, Doval, Dirceu e Pintinho. O goleiro Tobias, herói corintiano daquele jogo, veio terminar sua carreira em Jales, jogando no CAJ. A notícia é do UOL:

“Das 170 mil pessoas que deverão assistir ao jogo Corinthians versus Fluminense, hoje no Maracanã, calcula-se que cerca de 70 mil serão corintianos, deslocados de São Paulo –um acontecimento inédito na história do maior estádio do mundo, que nunca abrigou tão grande número de torcedores de clubes de outros Estados, adversários dos times locais.”

Era assim o primeiro parágrafo do texto no alto da Primeira Página da Folha de 5 de dezembro de 1976, quatro décadas atrás.

“Eles estão chegando de ônibus, de trens, de aviões ou carros particulares, desfraldando a bandeira do seu time e percorrendo ruidosamente as ruas de Copacabana e das áreas centrais da cidade”, continuava.

Até então, os jornais informavam que 50 mil corintianos iriam ao Maracanã para assistir à semifinal do Campeonato Brasileiro.

Ao longo do fim de semana, porém, o gigantismo da invasão ficou mais evidente. A estimativa passou a ser 70 mil, número que entrou para os livros de história do futebol brasileiro.

Não são poucos, porém, os estudiosos e jornalistas que acreditam que eram mais de 80 mil torcedores do time paulista no estádio carioca.

Seja um número ou outro, o Brasil nunca havia visto um deslocamento tão grande de torcedores para um jogo em outro cidade, com o rival como mandante.

Nesses últimos 40 anos, um acontecimento como esse não se repetiu no futebol brasileiro. E muito provavelmente jamais ocorrerá novamente.

A invasão foi possível, entre outras coisas, porque o presidente do Fluminense, Francisco Horta, não acreditou que ela pudesse acontecer e provocou a fiel torcida, com uma declaração: “Que os vivos saiam de casa e os mortos saiam das tumbas para torcer pelo Corinthians no Maracanã, porque o Fluminense vai ganhar a partida”.

Como não acreditava na invasão, Horta vendeu 70 mil ingressos antecipados para o Corinthians. Para o jogo da final, o Internacional de Porto Alegre ficou com medo de uma nova invasão corintiana e não disponibilizou ingressos para a fiel.

PREFEITURA DE JALES: MULHERES SÃO MAIORIA E GANHAM MAIS

dsc02538-ed

Avaliação atuarial preparada pelo técnico Marcos Bettega de Loyola, de julho de 2016, mostra que o futuro do Instituto Municipal de Previdência é preocupante. Atualmente, a diferença entre as receitas (cerca de R$ 800 mil) e as despesas com aposentadorias e pensões (R$ 1,2 milhão), gera um déficit mensal de mais ou menos R$ 400 mil. 

Em sua avaliação, o técnico constatou que, no final de 2015, a Prefeitura de Jales tinha 816 servidores efetivos na ativa, dos quais, nada menos que 500 eram do sexo feminino. Segundo o técnico, “a concentração de massa do sexo feminino” é um fator desfavorável para a Previdência Municipal. 

Certamente que ele chegou a essa conclusão porque, além de serem maioria, as mulheres ganham mais na nossa Prefeitura. Dados utilizados pelo técnico, de dezembro de 2015, mostram que, no serviço público municipal, o salário médio das mulheres (R$ 2.631,33) é superior ao salário médio dos homens (R$ 2.375,91).

Para quem conhece a nossa Prefeitura, isso não é nenhuma novidade. A constatação, no entanto, preocupou o técnico, uma vez que, de acordo com a legislação atual – essa que o presidente golpista quer mudar – as mulheres podem se aposentar com 30 anos de contribuição, ou cinco anos a menos que os homens.

Além disso, alertou o técnico, “parcela considerável dessas servidoras efetivas são professoras, que podem aposentar-se com 25 anos de contribuição”. Segundo apurou o blog, o déficit mensal do Instituto Municipal de Previdência tende a aumentar bastante em 2017, para quando estão previstas as aposentadorias de várias professoras. Se o Temer deixar, é claro.

1 2 3 1.002